Apenas 8,7% dos alunos das Ifes são negros

Estudo da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), divulgado nesta quarta-feira (3), revela que apenas 8,72% dos estudantes de graduação são negros. Os brancos somam 53,9%, os pardos 32% e os indígenas menos de 1%. Apesar de ainda muito reduzido, o índice cresceu 47,7% em relação a 2003.

A Andifes defende a necessidade de políticas afirmativas mais agressivas para garantir a inclusão do segmento. A entidade é contra uma legislação ou regra nacional que determine uma política comum para todas as instituições, como o projeto de lei que tramita no Senado e determina reserva de 50% das vagas para egressos de escolas públicas, por entender que cada região tem que ter uma política mais adequada à realidade local.

A pesquisa mostra ainda que os alunos egressos de escolas públicas respondem por 44,8% dos estudantes das universidades federais no país. Mais de 40% cursaram o Ensino Médio narede privada.

Informações do Agência Brasil

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp
Close Menu