Apub protesta pelos direitos das mulheres e contra a Reforma da Previdência no 8 de Março

Na tarde desta sexta-feira, a Apub participou da Marcha do 8 de Março, o Dia Internacional da Mulher.

O ato começou na Praça da Sé e seguiu até o Campo Grande levantando diversas pautas feministas, como salários iguais, respeito aos corpos da mulheres e a pluralidade dos mesmos, fim do feminicidio e da violência doméstica, inclusão e representatividade de mulheres negras e LGBTQ+, além de denunciar os retrocessos do governo atual, com ênfase na Reforma da Previdência.

Diversos professores, grupos, coletivos e instituições marcaram presença na marcha que foi definida como um ato histórico para as muitas mulheres que se pronunciaram devido a conjuntura que o país se encontra no momento.

A Apub Sindicato foi representada pela diretora financeira, Marta Licia Teles e pela ex-diretora, Leopoldina Menezes, que ressaltaram a importância das mulheres professoras no momento atual e alertaram para os retrocessos que a educação está sofrendo no governo Bolsonaro.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp
Close Menu