Docentes do IMS/UFBA pautam a permanência na greve e reivindicam votação online

Aconteceu ontem a Assembleia Geral da seção Apub do IMS, campus Anísio Teixeira, em Vitória da Conquista. Na ocasião, foi debatida as formas de participação ativa nas assembleias de docentes da UFBA, que são realizadas em Salvador. Foram levantadas propostas como realização de assembleias simultâneas e possibilidade de voto online e plebiscito, para possibilitar uma representação do IMS nas decisões e rumos da categoria.

No ponto de pauta para avaliar a greve das universidades federais, os docentes votaram a favor da proposta de reajuste salarial do Proifes, a ser negociada com o governo, e deliberaram por uma comissão permanente para promover discussões sobre as pautas locais dos docentes. Nesse contexto, os presentes discutiram as possíveis formas de mobilização para que a carga horária dos professores do IMS seja diminuída, de acordo com a determinação nacional. Para dar prosseguimento ao tema, foi encaminhada a realização de um debate sobre Carga Horária para o dia 02 de setembro, no qual os coordenadores dos colegiados serão convidados a compor a mesa.

Outra questão que abrange as demandas da categoria é a discussão sobre aposentadoria e previdência complementar. Quanto a isso, a professora Danielle Medeiros colocou o interesse da seção Apub em trazer um representante da Funpresp para introduzir esta discussão também no campus Anísio Teixeira, semelhante ao promovido pelo sindicato no dia 05 de agosto, na UFBA em Salvador.

Entre os encaminhamentos, foi decidida a participação dos professores no ato em defesa da educação pública, realizado hoje (28) na Praça 9 de novembro, em Vitória da Conquista. A próxima Assembleia será no dia 03, às 14h no auditório do pavilhão de aulas, coincidindo com a AG Apub em Salvador.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu