Em assembleia, docentes aprovam greve na UFBA

Reunidos em Assembleia Geral na tarde de 28 de maio, docentes da UFBA deflagraram greve por tempo indeterminado a partir de hoje. A votação foi realizada em dois momentos: primeiro, a plenária deliberou a aprovação da greve, que resultou em 212 votos a favor, 82 contrários e 04 abstenções. Em seguida, foi votado se a greve seria imediata ou em data posterior. A votação foi realizada por contraste visual e foram contabilizadas 11 abstenções.

Durante a Assembleia, o diretor da Apub Cláudio Lira ressaltou a importância de construir a unidade no movimento docente e completou afirmando que a categoria precisa lutar por melhores condições de trabalho e carreira. “É com reivindicação que a gente constrói a unidade”, disse. A presidente Cláudia Miranda lembrou que a greve “deve ser forte e a responsabilidade precisa ser de todos os docentes”, finalizou.

Amanhã, haverá uma aula pública na Praça das Artes, no campus de Ondina da UFBA, a partir das 9h. À tarde, os docentes se unirão à manifestação convocada pelas centrais sindicais, com concentração às 13h, no Shopping da Bahia e caminhada até a Fieb

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu