Mesários encerram votação antes do horário e cerceiam direito de professores votarem

O primeiro dia de eleição na APUB, nesta terça (27), poderia ter transcorrido na mais pura tranquilidade, não fosse o atraso na chegada de diversas urnas (no IFBA só chegou por volta do meio dia) e o comportamento de alguns mesários, que decidiram  por contra própria encerrar o processo de votação às 17h30, portanto, antes do horário determinado pela Comissão Eleitoral e como definido no regimento. Em muitos locais, faltaram cédulas de votação e demoraram para serem repostas. Na sede da APUB (onde funciona a comissão eleitoral) aposentados foram impedidos de votar pois o mesário, de modo arbitrário, encerrou a votação muito antes do tempo previsto.

Os professores que chegaram após esse horário – 17h30 – não tiveram o seu direito de votar garantido. Um absurdo e um ato deliberado de cerceamento ao direito sagrado do exercício do voto.

A direção da APUB repudia esse comportamento e espera que os transtornos não se repitam no segundo e último dia da eleição, nesta quarta (28).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Close Menu