Mulheres de diversas organizações, movimentos e independentes tomaram as ruas de Salvador, no 8 de março, com o lema “Mulheres na luta, nada a Temer” para protestar contra o machismo, a violência e os retrocessos políticos que ameaçam as trabalhadoras e trabalhadores, entre eles, a reforma da previdência.

A Apub participou da organização do ato como apoiadora e também esteve presente na manifestação, levando a também urgente pauta da educação livre do machismo, do racismo e da lgbtfobia, em tempos de Lei da “Escola sem partido” e das bancadas ultraconservadoras no Congresso.

A concentração da marcha foi na Praça da Piedade e seguiu até a sede da Previdência Social, no comércio, onde somaram-se as mulheres dos Movimentos dos/as Trabalhadores/as Rurais Sem Terra (MST) e de Pescadoras/es Artesanais (MPP).